Dicas e truques ao instalar o Workflow Manager

Dicas e truques ao instalar o Workflow Manager

2013-10-22 Off Por gambin

Olá Pessoal!

A dica de hoje vai para aqueles que pretendem utilizar o Workflow Manager e configurá-lo da forma mais indolor possível 😉

Mas antes de qualquer coisa, vamos a um breve overview!

 

Overview

O Workflow Manager é uma nova opção para workflows disponível no SharePoint 2013, que oferece suporte a novas funcionalidades como looping, state machine, interação com web-services, entre outras.

Por padrão uma nova instalação do SharePoint 2013 disponibiliza apenas os workflows do SharePoint 2010. Para habilitar os novos recursos dos workflows disponíveis no SharePoint 2013, é necessário instalar o Workflow Manager.

O Workflow Manager pode ser baixado e instalado gratuitamente, no entanto ele só é compatível com o SharePoint 2013 Standard ou Enterprise.

Uma de suas vantagens é que também é possível utilizar sua infraestrutura da nuvem (Azure) e separá-lo do ambiente SharePoint, podendo inclusive criar uma Workflow Manager Farm em servidores específicos para este fim.

 

Preparação de Ambiente

Com a intenção de implantar o Workflow Manager, devemos ter previamente os seguintes requisitos:

  • Web Front-End do SharePoint 2013
  • Database Server compatível com os requisitos mínimos
  • Contas de usuário que serão utilizadas por serviços

 

Peculiaridades

Antes de prosseguirmos com este post, gostaria de compartilhar alguns problemas que tive ao configurar o Workflow Manager:

  • Ambiente com proxy: o proxy deve estar HABILITADO apenas durante a primeira parte do setup, quando são feitos os downloads de componentes adicionais. Entretanto o proxy deve ser DESABILITADO durante o provisionamento de serviços do Workflow Manager. Não consegui identificar a causa do problema, mas ao tentar realizar a configuração do serviço com o proxy ativado (no Internet Options), ele sempre era concluído parcialmente ou mal-sucedido, impossibilitando sua utilização.
  • SharePoint 2013 + TFS: ao tentar instalar em um servidor SharePoint com o TFS, tive problemas com o registro do serviço de workflows no SharePoint (erros 403 e 404). Neste caso tive que separar o Workflow Manager instalando-o em um servidor dedicado.
  • Disable Loopback Check: este companheiro das antigas (vide SharePoint 2007) também marca presença na configuração do Workflow Manager em servidores com SharePoint. Para configurar adequadamente o Loopback Check clique neste link ou consulte maiores informações sobre neste link.

Vale lembrar que estes foram alguns dos cenários que encontrei problemas durante a configuração do Workflow Manager. Evidentemente que podem ser casos isolados, porém fica um ponto de atenção caso se depare com problemas nas mesmas condições.

Em todo caso, estas foram os ‘workarounds’ que utilizei para resolver os problemas mencionados.

Para iniciar novamente o processo de instalação foi necessário remover todos os databases criados (total de 06) e também o Service Bus, Workflow Manager, Workflow Manager Client e Windows Fabric do Windows.

 

Instalação e Configuração

Todos prontos? Então mãos à obra!

Primeiramente vamos fazer o download do Workflow Manager através do seguinte link:

http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkID=252092

Porém antes de iniciar o setup, certifique-se que o servidor do Workflow Manager tenha acesso à internet. Esta etapa é necessária pois o setup faz o download de vários componentes adicionais que podem não ter sido instalados previamente

Ao iniciar o setup do Workflow Manager através do WebPlatfomr Installer, será exibida uma tela conforme a figura abaixo:

Workflow Manager 1.0

Clique em Install e em seguida em Accept, conforme a figura abaixo:

Prerequisites

Confirme as opções de atualização e clique em Continue, conforme a figura abaixo:

Prerequisites

Aguarde o download dos componentes necessários

Install

Demora um pouco. Eu sei 😉

Ao finalizar clique em Continue e em seguida em Finish, conforme a figura abaixo:

Finish

Pronto! Instalamos os componentes básicos do Web Platform Installer + Workflow Manager 1.0!

Caso de interesse por já atualizar o Workflow Manager, na caixa de pesquisa do Web Platform Installer procure por Workflow Manager e pressione a tecla Enter, conforme a figura abaixo:

Web Platform Installer

Clique em Add no Cumulative Update 1 do Workflow Manager, conforme a figura abaixo:

Web Platform Installer

Caso opte por aplicar atualizações no Workflow Manager, faça o mesmo com o Service Bus (componente adicional para o Workflow Manager), conforme figura abaixo:

Service Bus

Clique em Install e em seguida I Accept

Clique em Finish para concluir a instalação, conforme a figura abaixo:

Finish

Pronto! Encerramos a primeira etapa do Workflow Manager, agora iremos para a segunda etapa do setup, que é sua configuração!

Lembrando que o usuário responsável por configurar o Workflow Manager deve ter as seguintes permissões:

  • Local Admin no servidor do Workflow Manager
  • SysAdmin no SQL (eu sei… eu sei…, mas é um dos requisitos)
  • Maiores detalhes neste link.

Agora voltando ao setup, procure por Workflow Manager Configuration, conforme a figura abaixo:

Workflow Manager Configuration

Clique em Configure Workflow Manager with Default Setting (Recommended), conforme a figura abaixo:

Workflow Manager Configuration Configuration Wizard

Agora vem o primeiro truque! No campo SQL Server Instance, lembre-se de NÃO UTILIZAR o FQDN. Utilize um alias ou o nome do servidor.

Outro truque está no campo User ID. Preencha utilizando o seguinte formato – dominio\usuario.

Caso utilize HTTP (e não HTTPS), lembre-se de marcar a opção Allow Workflow management over HTTP on this computer.

Em Certificate Generation Key, configure-o da mesma forma que o passphrase da Farm SharePoint 😉

Os procedimentos citados logo acima, estão detalhados na figura abaixo:

New Farm Configuration

Clique em Test Connection para certificar-se que está tudo ok e clique Next

Será exibido um sumário informativo das configurações que serão realizadas, conforme a figura abaixo:

Summary

Se no início selecionássemos a opção avançada de configuração, teríamos outras opções, como configurar nome dos databases e portas utilizadas, porém este não é o foco.

Uma outra coisa interessante nesta tela de sumário é a opção Get-PowerShell Commands, que como o próprio nome já diz, é responsável por gerar o script de configuração da Workflow Manager Farm. Vale lembrar que é necessário revisar as informações de senhas neste script, pois elas não ficam gravadas no arquivo gerado.

Confirmadas todas as opções, clique em Apply no canto inferior direito da tela

O processo de configuração será iniciado conforme a figura abaixo:

Configuration Progress

Neste momento estão sendo criados alguns serviços e todos os databases necessários (total de 06).

Ao finalizar com sucesso, deverá ser exibida uma tela conforme a figura abaixo:

Configuration Finish

 

Caso tenha qualquer problema que exija e reinicialização da configuração, será necessário remover os databases criados, e também o Service BusWorkflow Manager, Workflow Manager Client e Windows Fabric do Windows.

Entre no Web Platform Installer e repita novamente o processo de instalação dos componentes.

 

Registrando o Workflow Manager no SharePoint

Esta é a última etapa após a configuração e é relativamente bem simples!

Caso o servidor utilizado para o Workflow Manager seja um servidor SharePoint, não é necessário nenhum procedimento adicional para o registro do serviço.

Entretanto, caso este utilizando um servidor específico para este fim, é necessária a instalação no(s) WFE(s) SharePoint envolvido(s) do Workflow Manager Client, que pode ser obtido através do seguinte link:

http://go.microsoft.com/fwlink/?linkid=258749

O processo de instalação é praticamente o mesmo demonstrado anteriormente, porém não vamos configurar nenhum serviço.

Agora que já estamos prontos, podemos registrar o Workflow Manager em nosso site collection através do seguinte comando:

Register-SPWorkflowService –SPSite "http://myserver/mysitecollection" –WorkflowHostUri "http://workflow.example.com:12291" –AllowOAuthHttp

Se estiver tudo certo, nenhuma mensagem será exibida, conforme a figura abaixo:

Register-SPWorkflow

Finished!!

Maiores detalhes sobre o Registro do Workflow Manager:

http://technet.microsoft.com/pt-br/library/jj658588.aspx#section5

E caso tenha problemas referente ao permissionamento, certifique-se que a conta utilizada atende aos requisitos de acesso ao banco de dados e permissões no servidor do Workflow Manager. Maiores informações:

http://blogs.msdn.com/b/briangre/archive/2013/02/20/least-privilege-configuration-for-windows-azure-workflow-with-sharepoint-2013.aspx

 

Espero que tenham gostado e até o próximo post 😀

 

Link úteis

What is Workflow Manager 1.0?

http://msdn.microsoft.com/en-us/library/jj193528(Azure.10)

Introdução aos workflows do SharePoint 2013

http://technet.microsoft.com/pt-br/library/jj227177.aspx

Instalar e configurar o fluxo de trabalho para SharePoint Server 2013

http://technet.microsoft.com/pt-br/library/jj658588.aspx

Least Privilege Configuration for Workflow Manager with SharePoint 2013

http://blogs.msdn.com/b/briangre/archive/2013/02/20/least-privilege-configuration-for-windows-azure-workflow-with-sharepoint-2013.aspx